87 grandes autores que cometeram suicídio


Neste post, vamos explorar a vida e obra de 87 grandes autores que, infelizmente, optaram por encerrar suas próprias vidas. Ao longo da história da literatura, muitos escritores talentosos lutaram contra a depressão, ansiedade e outros problemas de saúde mental que os levaram ao trágico caminho do suicídio. Vamos refletir sobre como essas experiências pessoais influenciaram suas obras e como podemos aprender com essas histórias para ajudar a prevenir futuras tragédias.

Virginia Woolf


Virginia Woolf foi uma escritora britânica conhecida por suas obras inovadoras e marcantes, como "Mrs. Dalloway" e "Orlando". Ela cometeu suicídio em 1941, aos 59 anos.


Silvya Plath


Sylvia Plath foi uma poetisa americana renomada por sua escrita visceral e intensa, especialmente no livro "A Redoma de Vidro". Antes deste livro, Plath havia publicado apenas uma obra de poemas, The Colossus and other poems, em 1960. A morte da autora foi amplamente midiatizada, principalmente em decorrência da construção dramática da cena do seu suicídio: Plath morreu asfixiada por gás de cozinha enquanto seus dois filhos dormiam. Ela tirou a própria vida em 1963, aos 30 anos.


Anne Sexton


Anne Sexton foi uma escritora estadunidense conhecida por sua poesia confessional pessoal, vencedora do Prémio Pulitzer de Poesia em 1967. Ela abordou temas como depressão, suicídio e detalhes íntimos de sua vida, incluindo seu relacionamento com familiares. Além disso, escreveu sobre questões específicas das mulheres, como menstruação e aborto, que eram incomuns na época. Em 1974, cometeu suicídio ao se trancar na garagem de casa com o motor do carro ligado. Ela cometeu suicídio em 1974, aos 45 anos.


Manuel Acuña


A sua produção oscila entre o tom melancólico e o filosófico. De entre as suas obras destacam-se Nocturno a Rosário, elegia amorosa a uma mulher que foi a causa do seu suicídio, e Ante un cadáver, canto sobre a imortalidade da matéria. O seu drama El posado estreou-se em 1872. Acuña cometeu suicídio aos 24 anos em dezembro de 1873.


Aglaja Veteranyi


Aglaja Veteranyi nasceu em uma família de artistas circenses e teve uma infância nômade, acompanhando os pais em turnês pela Europa, América do Sul e África. Aos 15 anos, ainda era analfabeta, mas aprendeu alemão como autodidata. Na Suíça, estudou arte dramática e se dedicou à literatura a partir de 1982. Em 1999, lançou seu primeiro romance, "Por que a criança cozinha na polenta", que foi um sucesso, recebendo vários prêmios e sendo adaptado para o teatro. Em 2002, aos 39 anos, se suicidou afogando-se no lago de Zurique. Em 2002, aos 39 anos, Aglaya Veteranyi se suicida, afogando-se ao lago de Zurique.


Alice Rühle-Gerstel

Alice Rühle-Gerstel foi uma defensora ativa dos direitos das mulheres, escrevendo sobre temas como a igualdade de gênero e o papel da mulher na sociedade. Ela também foi uma crítica feroz do nazismo e do regime de Hitler, sendo perseguida e presa várias vezes durante o regime. Em 1933, Alice e Otto Rühle foram forçados a fugir da Alemanha devido à perseguição política. Eles se refugiaram na Tchecoslováquia, e mais tarde em Moscou, onde se separaram. Alice Rühle-Gerstel continuou a escrever e lutar pelos seus ideais, mesmo em meio às dificuldades. Em 1942, Alice foi presa pela Gestapo e deportada para o gueto de Theresienstadt. Ela morreu em 24 de junho de 1943, vítima das condições desumanas do campo de concentração. Alice Rühle-Gerstel deixou um legado de coragem, resistência e luta pelos direitos humanos. Sua vida e obra continuam a inspirar aqueles que lutam pela justiça e igualdade em todo o mundo. Ela cometeu suicídio no dia da morte de seu marido, em junho de 1943.


James Robert Baker


James Robert Baker Jr. foi um escritor norte-americano conhecido por sua ficção transgressiva e satírica, com temas predominantemente gays. Após se formar na UCLA, ele começou como roteirista de televisão antes de se dedicar a escrever romances. Embora tenha alcançado sucesso com livros como Fuel-Injected Dreams and Boy Wonder, ele enfrentou dificuldades para publicar após a controvérsia gerada por Tim and Pete, o que pode ter contribuído para seu suicídio.


Ari Behn


Ari Behn foi um escritor e dramaturgo norueguês conhecido por obras como "Tristeza Gordian" e "Tregrenser". Ele cometeu suicídio em 2019.


Walter Benjamin


Walter Benjamin foi um filósofo e crítico literário alemão, autor de ensaios influentes como "A Obra de Arte na Era de sua Reprodutibilidade Técnica". Ele cometeu suicídio em 1940, fugindo dos nazistas.


Andrés Caicedo 

Foi um escritor colombiano conhecido por obras como "Que viva la música!" e "Angelitos empantanados". Ele cometeu suicídio em 1977.


Camilo Castelo Branco 


Foi um escritor português conhecido por romances como "Amor de Perdição". Ele cometeu suicídio em 1890.


Cláudio Manuel da Costa 


Foi um poeta brasileiro do século XVIII, autor de obras como "Obras Poéticas" e "Marília de Dirceu". Ele cometeu suicídio em 1789.


Guy Debord


Foi um cineasta e teórico francês, conhecido por sua obra "A Sociedade do Espetáculo". Ele cometeu suicídio em 1994.


Gilles Deleuze


Foi um filósofo francês, autor de obras como "Diferença e Repetição" e "O Anti-Édipo". Ele cometeu suicídio em 1995.


Romain Gary

Foi um escritor francês vencedor do Prêmio Goncourt, conhecido por obras como "A Vida Diante de Si" e "Promessas ao Vento". Ele cometeu suicídio em 1980.


André Gorz


Foi um filósofo francês, autor de obras como "A Imaterial" e "Crítica da Divisão do Trabalho". Ele cometeu suicídio em 2007.


Sadeq Hedayat

Foi um escritor iraniano, autor de obras como "O Bufalo" e "A Cegueira". Ele cometeu suicídio em 1951.


Ernest Hemingway


Foi um escritor norte-americano, vencedor do Prêmio Nobel de Literatura, conhecido por obras como "O Velho e o Mar" e "Por Quem os Sinos Dobram". Ele cometeu suicídio em 1961.


Horacio Quiroga


Foi um escritor uruguaio, autor de contos como "Cuentos de la selva" e "Anaconda". Ele cometeu suicídio em 1937.


John Kennedy Toole

Foi um escritor norte-americano, autor do premiado livro "A Confederacy of Dunces". Ele cometeu suicídio em 1969.


Philippe Jullian

Foi um escritor e historiador francês, conhecido por suas biografias como "Prince Charming" e "Oscar Wilde". Ele cometeu suicídio em 1977.


Anthony Paul Kelly


Foi um poeta australiano, conhecido por obras como "Sing-Song". Ele cometeu suicídio em 1993.


Gérard de Nerval


Foi um escritor francês do século XIX, conhecido por obras como "Aurélia" e "As Filhas do Fogo". Ele cometeu suicídio em 1855.


Osamu Dazai


Foi um escritor japonês, autor de obras como "No Longer Human" e "Otogi Zoshi". Ele cometeu suicídio em 1948.Alejandra Pizarnik


Sílvia Serafim Thibau


Foi uma poetisa brasileira que cometeu suicídio em 2006, deixando uma obra inspiradora sobre temas como amor, solidão e morte.


Stephanie Adams


Foi uma escritora e ex-modelo americana que tirou a própria vida em 2018, deixando um legado de obras que exploram a sexualidade, o feminismo e a busca pela felicidade.


Adalbert Stifter

Foi um importante escritor austríaco do século XIX, cuja morte por suicídio em 1868 foi marcada por sua obra literária que aborda temas como a natureza e a vida interior.


Hunter S. Thompson 


Foi um famoso jornalista e escritor americano, conhecido por seu estilo ousado e excêntrico, que cometeu suicídio em 2005, deixando um legado de obras como "Fear and Loathing in Las Vegas".


Ned Vizzini

Foi um escritor americano de literatura jovem adulta, que faleceu por suicídio em 2013, deixando obras que exploram temas como a depressão e a busca pelo sentido da vida.


David Foster

Wallace foi um renomado escritor americano, autor de obras como "Infinite Jest", que cometeu suicídio em 2008, deixando um legado literário marcado por suas reflexões profundas sobre a sociedade contemporânea.


Stefan Zweig


Foi um escritor austríaco de renome internacional, cujo suicídio em 1942 foi motivado pelo contexto político da época, deixando uma obra vasta que aborda temas como a cultura e a história europeia.


Pedro Nava


Foi um escritor brasileiro conhecido por suas memórias literárias, que faleceu em 1984 por suicídio, deixando um legado marcante na literatura nacional.


Yukio Mishima


Foi um dos mais importantes escritores japoneses do século XX, que cometeu o ritual japonês de seppuku em 1970, após uma tentativa fracassada de golpe militar, deixando uma obra literária complexa e perturbadora.


John Berryman


Foi um poeta americano renomado, que cometeu suicídio em 1972, após uma vida marcada por lutas pessoais e problemas com o alcoolismo, deixando uma obra poética influente e intensa.


Ana Cristina Cesar


Foi uma das mais importantes poetas da literatura brasileira contemporânea. Sua obra abordava temas como a solidão, a angústia e o desejo, com uma linguagem poética e sensível. Ela cometeu suicídio em 1983 aos 31 anos de idade.


Anaíde Beiriz


Foi uma escritora brasileira que também tirou a própria vida. Sua obra era marcada pela sensibilidade e pela reflexão sobre o ser humano. Ela cometeu suicídio em 1988.


Anderson Herzer


Jovem escritor brasileiro que se destacou por sua obra "O Livro dos Mortos", onde abordava questões existenciais e filosóficas. Ele tirou a própria vida em 2004, aos 19 anos de idade.


Antero de Quental


Poeta e ensaísta português, foi uma das figuras mais importantes do movimento simbolista em Portugal. Ele cometeu suicídio em 1891, deixando uma obra marcada pela melancolia e angústia existencial.


José María Arguedas


Escritor peruano, conhecido por suas obras que retratam a cultura e o folclore dos povos indígenas do Peru. Ele cometeu suicídio em 1969, deixando um grande legado literário.


Jens Bjørneboe

Escritor norueguês, sua obra é marcada por uma visão crítica da sociedade e da política. Ele cometeu suicídio em 1976, aos 50 anos de idade.


Jaime Torres Bodet

Poeta e escritor mexicano, também foi diplomata e político. Ele cometeu suicídio em 1974, deixando uma obra marcada pela reflexão sobre a condição humana.


Karin Boye


Escritora sueca, sua obra inclui poesia, ficção e ensaios. Ela cometeu suicídio em 1941, aos 40 anos de idade, deixando uma obra marcada pela sensibilidade e pela busca por um sentido para a existência.


Paul Celan


Poeta romeno de origem judaica, sua obra é marcada pela reflexão sobre o Holocausto e a memória. Ele cometeu suicídio em 1970, aos 49 anos de idade, deixando uma obra poética intensa e complexa.


Nicolas Chamfort


Escritor e moralista francês, conhecido por suas máximas e aforismos. Ele cometeu suicídio em 1794, deixando uma obra marcada pela ironia e pelo pessimismo.Cláudio Manuel da Costa


Hart Crane


Poeta americano conhecido por sua obra poética intensa e complexa, com temas como amor e morte. Ele cometeu suicídio aos 32 anos ao pular de um navio em movimento.


René Crevel 


Escritor surrealista francês, Crevel cometeu suicídio aos 35 anos, envenenando-se com gás.


Guy Debord

Filósofo e cineasta francês, Debord é conhecido por suas teorias sobre a sociedade do espetáculo. Ele cometeu suicídio aos 62 anos, atirando-se na frente de um trem.


Florbela Espanca

Poetisa portuguesa, Espanca é uma das mais importantes vozes da literatura lusófona. Ela cometeu suicídio aos 36 anos, ingerindo uma dose fatal de barbitúricos.


Adam Lindsay Gordon

Poeta australiano, Gordon cometeu suicídio aos 36 anos atirando-se com uma arma de fogo.


Heinrich von Kleist

Escritor e dramaturgo alemão, Kleist cometeu suicídio aos 34 anos ao afogar-se junto com uma amiga no rio.


Serguei Iessienin 

Poeta russo, Iessienin cometeu suicídio aos 30 anos, enforcando-se em seu quarto de hotel.


Ingrid Jonker 

Poetisa sul-africana, Jonker cometeu suicídio aos 31 anos, afogando-se no mar.


Jacques d'Adelswärd-Fersen

Escritor e poeta francês, Fersen cometeu suicídio aos 33 anos ingerindo uma dose fatal de cianureto.


John Berryman

Poeta americano, Berryman cometeu suicídio aos 57 anos, pulando de uma sacada do prédio em que morava.


John Gould Fletcher

Poeta americano, Fletcher cometeu suicídio aos 86 anos, atirando-se de uma janela.


Jon Mirande

 Poeta basco, Mirande cometeu suicídio aos 29 anos, atirando-se de uma ponte.


Attila József

Poeta húngaro, József cometeu suicídio aos 32 anos, enforcando-se.


Kostas Kariotakis

Poeta grego, Kariotakis cometeu suicídio aos 31 anos, ingerindo uma dose fatal de veneno.


Kim Sowol

Poeta coreano, Sowol cometeu suicídio aos 32 anos, enforcando-se.


Mariano José de Larra 

Escritor espanhol, Larra cometeu suicídio aos 27 anos, disparando um tiro contra si mesmo.


Lucano

Poeta romano, Lucano cometeu suicídio aos 25 anos, ao cortar suas veias durante um banho.


Lucrécio

Poeta e filósofo romano, Lucrécio cometeu suicídio por envenenamento.


Manuel Laranjeira 

Político e escritor português, Laranjeira cometeu suicídio aos 63 anos, atirando-se de uma janelaMário de Sá-Carneiro foi um poeta e escritor português que se suicidou aos 26 anos, em 1916, por overdose de barbitúricos. 


May Ayim


Foi uma escritora e ativista afro-alemã que lutou contra o racismo. Ela cometeu suicídio em 1996, aos 36 anos, pulando de um prédio.


Vladimir Maiakovski

Foi um dos principais poetas russos do século XX. Ele se matou em 1930, aos 36 anos, com um tiro no coração.


Michel Bernanos

Foi um escritor francês que se suicidou em 1964, aos 61 anos, por overdose de barbitúricos.


Carlo Michelstaedter

Foi um filósofo e escritor italiano que se suicidou aos 23 anos, em 1910, também com overdose de barbitúricos.


Gérard de Nerval 

Foi um poeta francês do século XIX que se enforcou em 1855, aos 46 anos.


Cesare Pavese

Foi um escritor italiano que se suicidou em 1950, aos 41 anos, cortando os pulsos.


Sara Teasdale

Foi uma poetisa americana que se suicidou em 1933, aos 48 anos, ingerindo comprimidos de barbitúricos.


Edward Stachura 

Foi um poeta e escritor polonês que se suicidou em 1979, aos 41 anos, cortando os pulsos.


Alfonsina Storni

Foi uma poetisa argentina que se suicidou em 1938, aos 46 anos, caminhando para o mar e se afogando.


Thomas Chatterton

Foi um poeta inglês do século XVIII que se suicidou em 1770, aos 17 anos, ingerindo arsênico.


Torquato Neto

Foi um poeta e compositor brasileiro que se suicidou em 1972, aos 28 anos, por enforcamento.


Georg Trakl

Foi um poeta austríaco que se suicidou em 1914, aos 27 anos, ingerindo cocaína.


Marina Tsvetaeva

Foi uma poetisa russa que se suicidou em 1941, aos 48 anos, enforcando-se.


Jacques Vaché 

Foi um escritor e poeta francês que se suicidou em 1919, aos 23 anos, por overdose de ópio.


Victor Heringer 

Foi um escritor brasileiro que se suicidou em 2018, aos 29 anos, pulando de um prédio.

© all rights reserved
made with by templateszoo