Como se preparar para o ENEM 2024

Foto: ENEM

O Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) é a prova mais importante do Brasil para avaliação do aprendizado do alunado para o ingresso no ensino superior. Devido a isso, a pressão por uma boa nota pode impactar negativamente no emocional de alguns estudantes, e para evitar essa sobrecarga é necessário se planejar com antecedência para estudar de forma saudável e garantir máximo desempenho durante as provas.

Como se preparar para o ENEM?

Antes de mais nada, o aluno deve estar ciente do Edital do exame do ano ao qual está se propondo participar, após uma análise minuciosa dos conteúdos é hora de separar o material de estudo. Uma ótima alternativa é baixar as apostilas e gabaritos dos outros anos para estudar o conteúdo, levando sempre em consideração as matérias e os conteúdos mais abordados nos anos anteriores, desta forma, você poderá se aprofundar e obter um conhecimento acerca dos conteúdos que poderão cair na prova do ano.

Após baixar as apostilas, você deve garantir que encontre um lugar calmo, tranquilo e silencioso para elaboração das questões à serem respondidas. Uma dica de ouro é escrever, escreva muito, principalmente sobre os conteúdos com os quais você tiver maior dificuldade ou considerar mais complicados, isso fará você trabalhar sua capacidade analítica dos temas e problemas propostos e pensar em alternativas de estudo.

Escolha a técnica de estudo adequada

Uma técnica de estudo bem elaborada pode decidir o rumo que os seus esforços irão tomar, para isso, procure definir de forma específica os conteúdos aos quais procurará se debruçar e estude com dedicação utilizando metodologias certificadas para fixação do conteúdo. 

Algumas técnicas importantes e muito usadas são: 

1. Resumos

Resumir conteúdos para estudos é uma prática importante e eficaz pois ajuda na assimilação e compreensão do que foi estudado de forma mais rápida e objetiva. Além disso, resumir permite identificar os pontos-chave do conteúdo, facilitando a memorização e revisão posterior.

Ao resumir um texto ou aula, o estudante é obrigado a fazer uma seleção do que é mais relevante, o que estimula o seu pensamento crítico e ajuda a fixar melhor o conhecimento. Também torna mais fácil a organização das informações, auxiliando na identificação de lacunas que precisam ser preenchidas.

Resumir conteúdos para estudos também ajuda a economizar tempo, já que os resumos podem ser consultados rapidamente para revisões antes de provas ou trabalhos importantes. Além disso, ao resumir, o estudante consegue perceber mais claramente a estrutura e lógica do conteúdo estudado, o que facilita a compreensão do todo.

2. Tabelas

As tabelas de conteúdos são ferramentas importantes para organizar e estruturar o material de estudo, facilitando a localização e compreensão das informações. Elas ajudam a identificar os temas abordados no conteúdo, a hierarquizar as informações de acordo com sua relevância e a estabelecer uma sequência lógica de estudo.

Além disso, as tabelas de conteúdos fornecem uma visão geral do material, permitindo que o estudante saiba o que esperar e possa se planejar melhor em relação ao tempo de estudo. Elas também auxiliam na memorização e revisão do conteúdo, pois possibilitam uma visualização rápida e clara dos tópicos estudados.

3. Flashcards

Os flashcards são uma ferramenta bastante eficaz para o estudo de conteúdos, pois ajudam a reforçar a memorização e facilitam a revisão do material de forma rápida e prática. Além disso, eles ajudam a desenvolver a capacidade de associação e conexão de informações, o que contribui para uma melhor compreensão e retenção do conteúdo.

Uma das principais vantagens dos flashcards é a possibilidade de personalizar o material de estudo de acordo com as necessidades e dificuldades de cada pessoa, podendo incluir questões específicas, conceitos-chave, definições, entre outros. Além disso, eles são facilmente transportáveis, podendo ser levados para qualquer lugar e utilizados em momentos livres como uma forma de aproveitar melhor o tempo.

4. Áudios sobre o conteúdo

Gravar e ouvir áudios sobre o conteúdo é uma estratégia muito eficaz para melhorar a aprendizagem e a retenção de informações. Através da audição, nosso cérebro processa as informações de uma maneira diferente, o que pode facilitar a compreensão e a memorização do conteúdo. Além disso, gravar e ouvir áudios pode ajudar a manter a atenção e o foco durante o estudo, já que podemos fazer outras atividades ao mesmo tempo, como caminhar, dirigir ou fazer tarefas domésticas. Isso nos permite estudar de forma mais flexível e conveniente, tornando o aprendizado mais eficiente.

5. Técnica de POMODORO

A Técnica de Pomodoro é um método de gestão do tempo que consiste em dividir o trabalho em períodos de tempo, chamados de "pomodoros", geralmente com 25 minutos de duração, seguidos por breves intervalos de 5 minutos. Após quatro pomodoros, é feito um intervalo mais longo de 15 a 30 minutos. O objetivo é melhorar a produtividade e foco nas tarefas, evitando distrações e gerenciando o tempo de forma mais eficaz. A técnica foi criada pelo italiano Francesco Cirillo na década de 1980 e tem sido amplamente adotada por pessoas que buscam aumentar sua eficiência no trabalho.

6. Teste seus conhecimentos respondendo provas passadas

Responder provas passadas é uma excelente maneira de testar seus conhecimentos e se preparar para futuros exames. Ao responder questões de provas passadas, você consegue identificar quais são os seus pontos fortes e fracos em determinada matéria, o que permite direcionar seus estudos de forma mais eficiente e focada. Além disso, responder provas passadas também ajuda a familiarizar-se com o formato das questões, o estilo de perguntas e o tempo necessário para respondê-las. Isso aumenta a sua confiança para enfrentar a prova real, pois você terá praticado previamente.

O que não fazer ou levar no ENEM

1. Não leve comida em excesso para a sala

Leve apenas o essencial para que você coma até a finalização da prova e procure realizar um lanche antes do horário da prova, escolha comidas carregadas de carboidratos para manter a saciedade e evitar a pausa do pensamento e do foco.

2. Celular

Se o celular tocar em sala de aula, sua prova será cancelada de forma imediata, sem possibilidade de recorrer ou anular a decisão.

3. Relógio

Não é permitido o uso de relógios durante a execução do exame, isso serve para evitar despertar ansiedade nos alunos durante o desenvolvimento da prova.

4. Nada com RÓTULOS

Evite levar para a sala qualquer item de consumo que tenha rótulos ou que não sejam transparentes, isso é uma regra que vale para todos e pode ocasionar na expulsão em caso de descumprimento.

5. Calculadoras ou quaisquer eletrônicos

Nada que tenha acesso à internet ou que seja eletrônico é permitido durante a execução do exame, evite aborrecimentos desnecessários.

6. Lápis e borracha ou periféricos

O exame só é realizado utilizando canetas transparentes, não sendo permitido o uso de borracha, lápis, tesouras, apontador e outros periféricos de natureza semelhante.

© all rights reserved
made with by templateszoo