Lançamentos recentes da fósforo editora e círculo de poemas


Recentemente, a Fósforo Editora e o Círculo de Poemas têm lançado obras instigantes e que trazem reflexões profundas sobre arte, literatura e existência. Entre os lançamentos mais recentes, destacam-se obras como "Negros na piscina: arte contemporânea, curadoria e educação", que documenta o debate racial na arte brasileira, e "A superfície dos dias: o poema como modo de perceber", que nos convida a enxergar o mundo de uma maneira mais intensa através da poesia. Com narrativas envolventes e reflexões filosóficas, os livros lançados pelas editoras prometem cativar e instigar os leitores em busca de novas experiências literárias.

LANÇAMENTOS DE FEVEREIRO E MARÇO

TÍTULO | NEGROS NA PISCINA: ARTE CONTEMPORÂNEA, CURADORIA E EDUCAÇÃO


AUTOR | VÁRIOS AUTORES


ORGANIZAÇÃO E PREFÁCIO | DIANE LIMA


CAPA | NAMIBIA CHROMA


IMAGEM DE CAPA | PAULO NAZARETH


FORMATO | 18 X 25 CM


PÁGINAS | 336


PAPEL | PÓLEN NATURAL 80 G


ISBN | 9786584568822


R$ 169,90


LANÇAMENTO NAS LIVRARIAS | 26.2.2024

Negros na piscina

Organizado pela curadora, escritora e pesquisadora Diane Lima, Negros na piscina: arte contemporânea, curadoria e educação é uma publicação que documenta o momento histórico do debate racial na arte brasileira ao longo dos últimos dez anos. A partir de contribuições ou aproximações acerca do pensamento curatorial, o livro conta com mais de trinta vozes que, ao unir teoria e prática, antecipam estratégias e narram os desafios de produzir cultura no país. 

Negros na piscina é composto de textos inéditos, conversas, análises de práticas artísticas e projetos expositivos que, acompanhados de uma série de imagens, confrontam e interseccionam os discursos sobre raça, arte, educação e estrutura institucional. O trabalho de Diane Lima como organizadora é, em grande parte, uma arqueologia profunda que reflete o momento-chave de reivindicações em relação às ausências e presenças de artistas e curadores negros e indígenas nos espaços institucionais de arte.

TÍTULO | A ARTE DE DRIBLAR DESTINOS


AUTOR | CELSO COSTA


CAPA | ESTÚDIO ARADO


FORMATO | 13,5 X 20 CM


PÁGINAS | 288


PAPEL | PÓLEN NATURAL 80 G


ISBN | 9786560000032


ISBN E-BOOK | 9786560000292


R$ 84,90 | R$ 59,90 (E-BOOK)


LANÇAMENTO NAS LIVRARIAS | 29.2.2024

 

A arte de driblar destinos

Segundo romance do matemático Celso Costa, este livro vencedor do prêmio LeYa 2022 faz jus à máxima atribuída a Liev Tolstói: “canta a tua aldeia e cantarás o mundo”. Ao narrar a luta de um garoto e sua família para escapar da pobreza no interior rural do Paraná nos anos 1960, Costa mescla memórias autoficcionais e “causos” do interior do país para dar origem a um grande romance de formação, que é também uma história do Brasil.

TÍTULO | AVENIDA BEBERIBE


AUTORA | CLAUDIA CAVALCANTI


CAPA | VIOLAINE CADINOT


IMAGEM DE CAPA | ACERVO PESSOAL


FORMATO | 13,5 X 20 CM


PÁGINAS | 88


PAPEL | PÓLEN BOLD 90 G


ISBN | 9786560000421


ISBN E-BOOK | 9786560000261


R$ 64,90 | R$ 45,90 (E-BOOK)


LANÇAMENTO NAS LIVRARIAS | 29.2.2024

 

Avenida Beberibe

Na extensa e sinuosa avenida Beberibe, no Recife, uma casa com jardim frondoso é o cenário da infância de várias gerações. Ela também é o ponto de partida deste romance inventivo, que retoma e renova a tradição memorialística brasileira ao lançar mão do recurso fotográfico como parte constitutiva do texto. Guiada por uma sensibilidade que se aproxima da lógica poética, Claudia Cavalcanti expande a avenida para outros tempos e espaços, construindo esta narrativa de filiação parcialmente ficcional, na qual eventos da história do país e da vida pública do Recife se mesclam a lembranças da neta dos donos da casa que, meio século mais tarde, se debruça sobre as relações sociais latentes no seio do próprio lar.

TÍTULO | A CASA DE BARCOS


TÍTULO ORIGINAL | NAUSTET


AUTOR | JON FOSSE


TRADUÇÃO | LEONARDO PINTO SILVA


CAPA | DENISE YUI


FORMATO | 13,5 X 20 CM


PÁGINAS | 144


PAPEL | PÓLEN NATURAL 80 G


ISBN | 9786560000063


ISBN E-BOOK | 9786560000308


R$ 64,90 | R$ 44,90 (E-BOOK)


LANÇAMENTO NAS LIVRARIAS | 11.3.2024

A casa de barcos

Originalmente publicado em 1989, A casa de barcos é até hoje uma das obras mais emblemáticas do estilo literário que rendeu a Jon Fosse o prêmio Nobel de literatura em 2023.

Narrado no ritmo frenético de um homem tomado pela angústia, o romance combina ousadia estilística com elementos de thriller escandinavo. Temas recorrentes da literatura mundial — amizade, ciúme e triângulos amorosos — se mesclam a um estilo inovador e hipnótico, no qual um narrador pouco confiável mantém a tensão até a última página, nos fazendo avançar e recuar ao sabor do seu fluxo de consciência. 

LIVRO DA CAIXA DE MARÇO

TÍTULO | POEMA DO DESAPARECIMENTO


AUTORA | LAURA LIUZZI 


FORMATO | 13,5 X 20 CM


PÁGINAS | 88


ISBN | 9786584574632


ISBN E-BOOK | 9786584574144


R$ 64,90 | R$ 45,90 (E-BOOK)


ENVIO PARA ASSINANTES | MARÇO


LANÇAMENTO NAS LIVRARIAS | 10.4.2024

Poema do desaparecimento

Novo livro de Laura Liuzzi, uma das principais vozes de sua geração, Poema do desaparecimento é um precioso encontro entre a poesia e o pensamento filosófico. Nele, somos convidados a mergulhar num universo em que tudo que nos cerca, sejam maçãs, estrelas, sonhos, versos ou pessoas, desaparece e torna a reaparecer — sempre com uma nova composição —, dando lugar a uma nova forma de ver e viver nossa própria existência no mundo.

PLAQUETE DA CAIXA DE MARÇO

TÍTULO | A SUPERFÍCIE DOS DIAS: O POEMA COMO MODO DE PERCEBER


AUTORA | LUIZA LEITE


FORMATO | 13,5 X 20 CM


PÁGINAS | 40


ISBN | 9786584574649


R$ 44,90


ENVIO PARA ASSINANTES | MARÇO


LANÇAMENTO NAS LIVRARIAS | 10.4.2024

A superfície dos dias: o poema como modo de perceber

A plaquete de março do Círculo de Poemas, A superfície dos dias: o poema como modo de perceber, apresenta um ensaio inédito da poeta e pesquisadora Luiza Leite, que investiga nos versos de grandes poetas — como William Carlos Williams, Eileen Myles e Frank O’Hara — a forma como a poesia nos ensina a perceber o mundo à nossa volta, o “nosso mundo” cotidiano, de uma maneira mais rica, viva e intensa, ao deslocar nossa atenção para as cenas pelas quais, sem a poesia, passamos indiferentes.


O que é Círculo de Poemas?

É a coleção de poesia da editora Fósforo, que já conta com mais de cinco dezenas de títulos, entre livros e plaquetes, formando um catálogo repleto de grandes autores brasileiros e estrangeiros, contemporâneos e clássicos, além de apresentar novas vozes e resgatar obras importantes. Nas charmosas plaquetes, a coleção abriga tanto poemas exclusivos quanto ensaios, antologias e outras voltas pelo universo da poesia.

Como funciona?
O Círculo de Poemas funciona como um clube de assinaturas que envia mensalmente aos leitores um livro e uma plaquete, também vendidos em livrarias de todo o país a partir do mês seguinte. Além de receber as publicações com antecedência em sua casa e de dar um apoio que é fundamental para a coleção, o assinante paga um valor fixo bem mais vantajoso que o da compra dos volumes avulsos, e conta ainda com descontos em diversas livrarias, editoras e outras marcas parceiras do Círculo de Poemas.
© all rights reserved
made with by templateszoo