companhia das letras

Grease (1982) ► [resenha fílmica]

sexta-feira, 13 de agosto de 2021

/ by Vitor Zindacta


Grease, nos tempos da brilhantina é um musical que retrata a juventude dos anos 50, buscando contextualizar a cultura jovem que emergia neste período. Califórnia, década de 50. Danny (John Travolta) e Sandy (Olivia Newton-John), um casal de estudantes, trocam juras de amor mas se separam, pois ela voltará para a Austrália.
Entretanto, os planos mudam e Sandy por acaso se matricula na escola de Danny. Para fazer gênero ele infantilmente lhe dá uma esnobada, mas os dois continuam apaixonados, apesar do relacionamento ter ficado em crise. Esta trama serve como pano de fundo para retratar o comportamento dos jovens da época. Os estilos iam do mais ousado ao mais recatado. No mais ousado, maquiagem meio carregada, batom e rímel fortes, para ressaltar. Roupas agarradas e cabelo cheio, para chamar mais atenção. As mulheres deste estilo costumavam fumar e adoravam sapato alto plataforma.


No mais recatado, tiaras, cabelo com um pouco de laquê, vestido pouco folgado, mas não curto. Aqueles com faixa na cintura eram bem usados, assim como as cores claras, de tom pastel. A maquiagem, podia ser um rimel forte, mas com batom discreto, no máximo um rosa pink. Como complemento, bolsinha de mão.Para os homens, o clássico visual composto de jaqueta de couro preta, camiseta branca por dentro e jeans com botas engrachadas, sem dispensar a emblemática motocicleta. Os cabelos faziam um visual topetudo, á base da famosa brilhantina .

Postagem mais recente
Next Story Postagem mais antiga Página inicial
siga-nos no Instagram: @postliteral
Leia[+]
© all rights reserved
made with by templateszoo