companhia das letras

O que é o método Paulo Freire de educação

sábado, 18 de setembro de 2021

/ by Vitor Zindacta



Rosinete Borges de Sousa

BRADÃO, Carlos Rodrigues. O que é método de Paulo Freire: São Paulo: Brasiliense, 2005.

Credenciais do autor

Carlos Rodrigues Brandão nasceu no Rio de Janeiro em 14 de abril de 1940. Desde 1963 trabalha em grupos e movimentos de educação popular, pratica que iniciou no Movimento de Educação de base e que hoje continua por meio do Centro de Estudo de Educação e Sociedade.

Bacharel em psicologia e psicólogo pela Universidade Católica do Rio de Janeiro em (1965-1969) possui mestrado em Antropologia na Universidade de Brasília (1974), doutorado em ciências sociais pela universidade de São Paulo (1980).

O livro fala do que é método de Paulo Freire. Ele conta a historia de alfabetização de adultos. Onde o autor conta que escreveu esse livro fazendo uma pequena viagem em poucos dias pelo Nordeste. Onde foi reunido numa cidadezinha que se chama Mossocó, que fica no fundo do Nordeste. Com o tema Filosofia Popular, porem vieram estudantes e educadores de todo Nordeste. Um pequeno curso para recontar como se fez a praticou o Método Paulo Freire, que acabou virando um lugar de debate quente sobre a questão da educação popular. E aí o pau comeu, não ficou coisa sobre o que não se perguntasse, mesmo que não houvesse resposta pronta nem pela a metade. Porem o autor conta o que mais lhe espantou foi à insistência das perguntas dos mais moços. Os jovens tinham muitas perguntas sobre como pode ser.

A questão é que Paulo Freire não propôs um método entre outros, um método psicopedagogicamente diferente é quem sabe melhor. Antes de fazer isso ele investiu com uma educação contra outra, por isso depois de falar contra que educação em que ele crê, preciso dizer que tipo de mundo ele acredita em um outro, e por que crê que a educação que inventa pode ser um instrumento a mais do trabalho dos homens criarem e transformar. Mas que homens, e que mundo? Termino estes escritos sobre o Método Paulo Freire por onde começam quase todos os estudos sobre as suas idéias.

Depois de haver sido testado seu método em “circo” na roça e na cidade, no Nordeste, o trabalho com o método foi levado por muitas mãos no Rio de Janeiro, São Paulo, e em Brasília. Os resultados obtidos foram 300 trabalhadores alfabetizados em 45 dias, esse resultado impressionou profundamente a opinião publica. E decidiu aplicar o método em todo território nacional.

Paulo Freire pensou que um método de educação construído em cima da idéia de um dialogo entre educador e educando, onde há sempre partes de cada um no outro. Um dos pressupostos do método é a idéia de que ninguém educa sozinho.

Ele também trabalhava com as palavras geradoras, elas não precisam ser muitas de 16 a 26 é o bastante. Quando a proposta de trabalho com o método é mais amplo, esta etapa de codificação da descoberta continua nas escolhas dos temas geradores. Assim como na pesquisa do universo vocabular cada palavra geradora aparece dentro de frase, de fala das pessoas, cada palavra aponta para as questões de temas geradores.

O homem fez o poço porque Tetê necessidade de água, e faz da medida em que se relacionando com o mundo, dez dele objeto do seu conhecimento, submetendo-o pelo seu trabalho, a um processo de transformação. Assim ele fez a casa sua roupa, seus instrumentos de trabalhos. A partir daí, se discute com grupo termos evidentemente simples, mas criticamente objetivos, as relações entre os homens. Só assim a alfabetização cobra sentido, é a consequência de uma reflexão que o homem começa a fazer sobre sua própria capacidade de refletir. Ao refletir como o grupo, não deve conduzir debates sobre as situações existenciais, e sim mais tarde a partir das palavras geradoras, como se fosse um jogo de adivinhação.

O método de alfabetização de adultos do professor Paulo Freire não representa mais do que a fase inicial de um longo processo dentro de um Sistema de Educação. Este sistema foi elaborado levando em conta as seguintes etapas:

• Método de alfabetização de adultos como processo acelerador da aprendizagem da leitura e da escrita, ao nível elementar;

• Processo sistematizado de educação correspondente ao nível primário, com o qual se obtém a funcionalidade da leitura de escrita;

• Etapa mais avançada de educação, que deve ser oferecida a todo o povo;

Conclusão

Conclui-se que o livro conta a verdadeira historia de como eram aplicado o método de Paulo Freire. E como ele gostava do seu método de alfabetização, e como seu método expandido em todo o Brasil.

Indicações

Portanto este livro é indicado para todos os professores de educação de jovens e adultos, e para alunos de EJA. Também é indicado para todas as pessoas que trabalham voluntariamente. Porque ele mostra como é gratificante o trabalho voluntário, como Paulo Freire era feliz em fazer alguém feliz.

Postagem mais recente
Next Story Postagem mais antiga Página inicial
siga-nos no Instagram: @postliteral
Leia[+]
© all rights reserved
made with by templateszoo