3º Concurso Internacional de Ensaios – Prêmio Gilberto Freyre 2024/2025 está com inscrições abertas

Trabalhos inéditos baseados na obra de Gilberto Freyre podem concorrer à premiação de R$20 mil e ter o livro publicado pela Global Editora.



O 3º Concurso Internacional de Ensaios – Prêmio Gilberto Freyre 2024/2025 está com inscrições abertas até 30 de novembro de 2024. Esta será a décima edição do concurso e a terceira no formato internacional, que receberá trabalhos inéditos, escritos em português, oriundos de qualquer país, além do Brasil.


A premiação é uma realização da Fundação Gilberto Freyre (FGF) em parceria com a Global Editora, e tem como propósito manter vivo o legado deixado por um dos sociólogos mais respeitados e estudados do Brasil: o pernambucano Gilberto Freyre. “O prêmio foi criado com o objetivo de apoiar a pesquisa científica e tornar público o que os pesquisadores da obra de Freyre têm descoberto ao se debruçarem nas múltiplas temáticas abordadas em sua obra”, explica a diretora executiva da FGF, Jamille Barbosa.

 

Para a inscrição, o trabalho precisa ser inédito – não ter sido publicados anteriormente como livro, seja impresso ou digital – e deve ter, no mínimo, 100 páginas. O autor - ou autores - do ensaio escolhido pela comissão irá receber R$ 20 mil como prêmio e terá o trabalho publicado como livro pela Global Editora – casa editorial responsável pela publicação das obras de Gilberto Freyre.


Sairá vencedora a melhor análise e interpretação da obra de Gilberto Freyre após uma avaliação criteriosa feita por uma comissão julgadora especialista na bibliografia freyriana. Os trabalhos podem contemplar as diferentes faces intelectuais deste pernambucano que atuou ao longo da vida como antropólogo, sociólogo, historiador social, escritor, pensador, político, tropicólogo, jornalista, conferencista e educador.


O último ganhador, o professor goianiense Ulisses do Valle, destaca como o reconhecimento de seu trabalho através da premiação o estimula. “Ter recebido o prêmio me deixou profundamente honrado e me encoraja a continuar estudando, pesquisando e divulgando o pensamento e a obra deste que é, sem dúvidas, um dos maiores patrimônios da cultura brasileira”, relata Ulisses. Ele foi o vencedor da edição 2022/2023, com a obra Fachadas e estigmas: a modernização da sociedade brasileira à luz de Gilberto Freyre.


O concurso é promovido a cada dois anos pela Fundação Gilberto Freyre e pela Global Editora, e teve sua primeira edição em 2004/2005. Para o gerente editorial da Global Editora, Gustavo Tuna, o prêmio é importante porque possibilita desdobrar e aprofundar o pensamento freyriano. “Em parceria com a Fundação Gilberto Freyre, a Global Editora, com esta terceira edição internacional do Concurso, prossegue trabalhando com afinco pelo propósito que norteia o Prêmio: o de fomentar novos olhares a respeito da obra intelectual do sociólogo pernambucano”, reforça.

INSCRIÇÕES:

As inscrições só podem ser feitas através de correspondência física, não sendo permitido o envio de trabalhos de forma virtual. Os candidatos podem entregar os ensaios na Fundação Gilberto Freyre (Recife-PE) ou na Global Editora (São Paulo – SP). Também é possível realizar o envio pelos Correios, certificando-se de que a entrega no destino não ultrapasse a data limite para inscrição dos trabalhos. (Fundação Gilberto Freyre: Rua Dois Irmãos, 320, Recife, PE, CEP: 52.071-000. Global Editora: Rua Pirapitingui, 111, Liberdade, São Paulo – SP, CEP: 01508-020.).


O ganhador ou ganhadora do prêmio será anunciado em fevereiro de 2025, nos canais digitais da Global Editora e da Fundação Gilberto Freyre. A cerimônia de premiação ocorrerá no dia 15 de março de 2025, data de comemoração do nascimento do sociólogo e escritor Gilberto Freyre. 

HISTÓRICO DE GANHADORES DO CONCURSO:

1. Ulisses do Valle (Goiânia – GO): Vencedor do 2º Concurso Internacional de Ensaios – Prêmio Gilberto Freyre 2022/2023 com a obra Fachadas e estigmas: a modernização da sociedade brasileira à luz de Gilberto Freyre;

2. Cibele Barbosa (Recife – PE): Vencedora do 1º Concurso Internacional de Ensaios – Prêmio Gilberto Freyre 2020/2021 com a obra Escrita histórica e geopolítica da raça: a recepção de Gilberto Freyre na França;

3. Cláudio Márcio Coelho (Vitória - ES): Vencedor do  Concurso Nacional de Ensaios – Prêmio Gilberto Freyre 2018/2019 com a obra Os Sherlockismos de Gilberto Freyre: a antecipação metodológica freyriana nas décadas de 1920 e 1930;

4. Gustavo Mesquita (Goiânia – GO): Vencedor do 6º Concurso Nacional de Ensaios – Prêmio Gilberto Freyre 2016/2017 com a obra Gilberto Freyre e o Estado Novo – Região, nação e modernidade;

5. 5º Concurso Nacional de Ensaios – Prêmio Gilberto Freyre 2012/2013: Não houve vencedor por falta de adequação dos trabalhos inscritos aos requisitos do concurso.

6. 4º Concurso Nacional de Ensaios – Prêmio Gilberto Freyre 2010/2011: Não houve vencedor por falta de adequação dos trabalhos inscritos aos requisitos do concurso.

7. Caesar Sobreira (Olinda-PE): Vencedor do 3º Concurso Nacional de Ensaios – Prêmio Gilberto Freyre 2008/2009 com a obra Nordeste semita – Ensaio sobre um certo Nordeste que em Gilberto Freyre também é semita;

8. Solange Aragão (São Paulo - SP): Vencedora do 2º Concurso Nacional de Ensaios – Prêmio Gilberto Freyre 2006/2007 com a obra Ensaio sobre o jardim;

9. Elide Rugai Bastos (São Paulo - SP): Vencedora do 1º Concurso Nacional de Ensaios – Prêmio Gilberto Freyre 2004/2005 com a obra As Criaturas de Prometeu: Gilberto Freyre e a formação da sociedade brasileira.

 

*A edição 2014/2015 do concurso não foi realizada.

Sobre a Fundação Gilberto Freyre (FGF):

A Fundação Gilberto Freyre foi criada em 1987 para manter reunido, preservado e à disposição do público o acervo pessoal e intelectual do escritor pernambucano Gilberto Freyre. A Casa-Museu Magdalena e Gilberto Freyre está instalada no local em que o escritor escolheu para morar, por mais de 40 anos: o bucólico e tradicional bairro de Apipucos.

A construção, reconhecida como casa-grande original do século XIX e reformada em 1881, abriga o conjunto de objetos colecionados, guardados e ordenados pela família Freyre. A preservação do ambiente, exatamente como fora concebido por Gilberto, revela a emoção e a sensibilidade diante da formação de um acervo que testemunha a vida de Pernambuco, do país e de diferentes locais do mundo.

O acervo inclui imagens sacras católicas, peças de origem africana, azulejos portugueses, peças da arte popular brasileira, porcelanas orientais, prataria inglesa e portuguesa, além de um vasto acervo bibliográfico e de uma rica pinacoteca.

Sobre o Grupo Editorial Global

Criada em 16 de outubro de 1973, a Global Editora se destaca no mercado editorial por seu propósito de divulgar temas e autores nacionais que valorizam a formação cultural do brasileiro.

Neste tempo, reunimos alguns dos mais importantes autores da língua portuguesa, nomes como: Cecília Meireles, Cora Coralina, Gilberto Freyre, Ignácio de Loyola Brandão e Marcos Rey. Assim, trabalhamos cada vez mais para fazer jus ao título de “A casa da literatura brasileira”.

Além disso, o hoje denominado Grupo Editorial Global, agrega quatro selos: a Global Editora, com obras dos mais renomados autores nacionais; a Gaudí Editorial, voltada às crianças em seus primeiros anos de vida; a Editora Gaia, que alimenta o leitor no sentido de viver em perfeita harmonia com ele mesmo e com o universo; e, a Nova Aguilar, que apresenta com um forte catálogo de obras completas dos mais célebres autores nacionais e internacionais.

Fundação Gilberto Freyre

Rua Dois Irmãos, 320, Apipucos, Recife-PE.

Informações: (81) 3441.3348 / 1733

Instagram e Facebook: @fundacao.gilbertofreyre



Contato Assessoria de Imprensa:

Poema Comunicação (@poemacomunicacao)

Juliane Planzo: (81) 99146.3636 | julianepoema@gmail.com

© all rights reserved
made with by templateszoo