10 Notas sobre o seriado “Dark”

DARK 300x200 - 10 Notas sobre o seriado “Dark”

content pic e1458166306621 300x109 - 10 Notas sobre o seriado “Dark”

  1. A série trabalha utilizando recursos temporais, ou seja, a capacidade descritiva de transitar entre passado, presente e futuro. A primeira temporada se inicia no ano de 2019, expandindo-se até os anos 1986 e 1953, retratando a história de diversos personagens, já na segunda temporada, poderemos notar que vários meses se passaram entre a primeira e a segunda temporada, o que faz com que os anos passem, sendo 2020, 1987 e 1954, respectivamente, enquanto introduz novas histórias que se ambientam em 2053 e 1921.

 

  1. A série começa em 2019com Michael Kahnwald, pai de Jonas, marido de Hannah se enforcando e deixando para trás um bilhete dizendo “não deve ser aberto até 4 de novembro às 22h13”. Esta carta retrata uma parcela de tudo o que está prestes a acontecer durante o enredo, deve-se levar em conta que o seriado trabalha na transição entre passado, presente e futuro, ou seja, a carta escrita por Michael Kahnwald foi escrita muito antes dele pensar em se suicidar, afinal, todos os eventos que são descritos na carta, bem como o desaparecimento de Mikkel, filho de Ulrich, são descritos.

 

  1. No dia seguinte ao desaparecimento de Mikkel, um garoto morto aparece na floresta usando roupas dos anos 80 e um níquel com ‘1986’ em volta do pescoço. Ele está carregando um walkman e ele tem queimaduras graves ao redor dos olhos e seus tímpanos estão completamente explodidos. Porém, ao analisar o corpo do garoto encontrado um dia após o sumiço de Mikkel, Ulrich chega à conclusão de que não, aquele não é seu filho Mikkel.

 

  1. A ação é inteiramente em torno de Winden e está focada em quatro famílias – os Kahnwalds, os Nielsens, os Dopplers e os Tiedmanns, que têm viveu na cidade por gerações (o que é conveniente, já que os personagens regularmente se deparam com versões mais novas de si mesmos e de seus parentes quando viajam no tempo pela caverna).

 

  1. O enredo gira em torno de um esconderijo subterrâneo, onde Noah construiu e controla um máquina que abre buracos de minhoca, o que o faz utilizar as crianças como um teste para o funcionamento da máquina, porém, mostrando-se não funcionar conforme o esperado, a máquina mata os jovens e os joga em uma época completamente oposta à que elas viveram anteriormente. Ao mesmo tempo, Noah abre um buraco de minhoca nas cavernas (onde gira toda trama e suspense), para que Helge possa passar, encontrar os corpos e os resgatá-los. O garoto encontrado no primeiro episódio é Mads, irmão de Ulrich, que desapareceu quando adolescente em 1986 e aparece em 2019.

 

  1. Algumas especulações contam que Noah pode ser o marido distante de Agnes Nielsen e pai de Tronte — Tronte possui queimaduras de charutos nos braços, e Agnes diz durante o enredo que já foi casada com um padre. Noah tem um livro que parece mapear todos os eventos antes mesmo de acontecerem (certamente até 2019), o que implica que ele pode vir de um futuro mais distante – possivelmente em 2052 – ou apenas um experiente viajante do tempo que estudou os eventos das diferentes eras. Isso também implica que há um elemento da ideia do Destino aqui – que tudo sempre será exatamente como é e é impossível mudar o passado ou o futuro.

 

  1. Algumas pessoas ficam confusas com a mudança constante do tempo em que a série transita, em um momento 2019, no outro 1952, e por ai se vai. Este recurso é adotado para que possamos compreender não somente a história de Noah e sua Luta com Cláudia pelo controle do espaço-tempo, ela também serve para observarmos as nuances dos acontecimentos no passado, que, de alguma forma interferiram no futuro ou fizeram as coisas não se tornar tão agradáveis. Nestas viagens é comum o personagem encontrar-se em sua forma mais nova, velha.

 

  1. Na primeira temporada observamos um senhor que fica inquieto a todo instante, seu nome é Helge. Ele sabe quando tudo vai acontecer, ele fica inquieto, e em vários momentos ele diz “eu prefiro detê-lo, preciso fazê-lo parar”, até que alguém pergunta “ele quem?”, “Noah”. Só que nem tudo é o que parece.

 

  1. Na segunda temporada, houve um momento de partir o coração no final da segunda temporada das Trevas , quando Martha, o amor da vida de Jonas, foi baleada bem na frente dele, sangrando no chão enquanto a luz desaparecia de seus olhos. Mas o elemento mais surpreendente de sua morte foi o fato de que, tecnicamente, foi Jonas quem a matou.  Jonas eventualmente se tornará Adam, um viajante do tempo que montou acampamento em 1921 e tem acesso a um dispositivo que usa a Partícula de Deus. Isso permite que ele viaje em qualquer lugar no tempo, e não simplesmente 33 anos no passado ou 33 anos no futuro (os ciclos solares e lunares supostamente se alinham a cada 33 anos), limites que os outros dispositivos de viagem no tempo impõem aos seus operadores. Adam atirou em Martha porque é a dor dessa perda que vai estimular Jonas a fazer o que precisa ser feito, por mais cruel que seja. Adam diz a si mesmo que ele vai levar essa dor consigo pelo resto da vida. Isso vai emocionalmente endurecê-lo, e então um dia Jonas finalmente será capaz de deixar a memória de Martha ir e se concentrar em trazer o fim do mundo para construir um novo.

 

10. Foi a estabilização e a abertura dos buracos de minhoca em todos os cronogramas pelos seguidores de Adão, o que fez com que a usina nuclear de Winden se dissolvesse e começasse o terceiro e último ciclo. Houve um acidente na fábrica em 1986 e os resíduos radioactivos foram canalizados e escondidos nas cavernas antes de serem removidos por um camião. Mas esses contêineres acabaram sendo devolvidos à fábrica e cobertos de concreto. Quando eles são quebrados, abertos no final, sob as ordens da polícia de Winden, um material negro se ergue, causando um dos buracos de minhoca. Através daquela janela de tempo específica, Charlotte e a velha Elisabeth, que é filha e mãe dela, ficaram cara a cara e começaram a tocar as mãos, assim como o apocalipse rasgou a cidade.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1.491 votos, média: 5,00 de 5)
loading - 10 Notas sobre o seriado “Dark”Loading...
Share

Blogueiro, escritor, poeta, professor, ensaísta, cinéfilo, viajante e filantropo. Estudante de Ciências Sociais em busca de uma compreensão mais assertiva do nosso local em sociedade.

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com